Category: Gestão de Pessoas (page 1 of 6)

Gestão de Pessoas

[video] Você também já passou por isso!

Acho que uma imagem, no caso um vídeo, vale mais que mil palavras. Você já deve ter passado por isso, ou vai passar, ou pior, faz isso? Tão simples, porque complicar? Atualizado para um vídeo melhor. Criado e editado via mobile. edersonmeloPai do Pedro, Marido e Workaholic com vida social. Mais em https://www.edersonmelo.com/quem-sou/ http://www.edersonmelo.com/

Porque Agile Couch à Scrum Master

Você pode pensar, porque diabos alguém preferiria ser Agile Couch à Scrum Master. Fora o modismo, vamos entender um pouco mais sobre as diferenças e usar o exemplo da cultura ágil do Spotify®.     Hoje as empresas buscam por uma metodologia que possibilita ser mais ágeis em seus processos, principalmente quando falamos de desenvolvimento de software. A exemplo da  Spotify® lançada em 2008, a empresa era bastante focada em scrum. Scrum é uma abordagem de desenvolvimento muito ágil e madura, e isso trouxe uma cultura fortíssima para a empresa baseada em times. Após alguns anos de crescimento a empresa passou a ter

Continue Lendo

FlowTime um Método para otimizar o foco

Quando utilizamos um método como Pomodo ou Chunking  o tempo pode acabar quando você ainda estava com foco produtivo na tarefa, naquele momento em que você sabe que não precisaria parar, você está com alto nível de concentração, atenção e foco. Então é preciso de uma maior flexibilidade no período de produtividade em que se aproveite o custo/benefício do tempo, energia e concentração ao máximo.  Eis que entra a técnica de Flowtime, que é orientada ao foco e resolve esse problema. Flowtime é o período de alto foco para produzir algo no estado de flow, o momento de produtividade máxima em que

Continue Lendo

Squad, times cross-funcionais

A evolução da aplicação de Metodologias Ágeis muda não somente como as empresas pensam seu trabalho, mas também como elas moldam seus times. Nesta ideia de equipes cross-funcional  e que surgiu o Squad, que ganhou maior visibilidade após ser divulgada de como a  Spotify, empresa sueca de streaming de música, organiza e estrutura seus times. Squads Squads são a unidade básica de organização dos times, geralmente em torno de uma feature, ou subsecção de uma funcionalidade. Podem ter até 10 membros, cross-funcional a ponto de conterem expertise dentro do grupo para desenvolver todos os aspectos do produto e definir suas prioridades alinhadas com o objetivo da

Continue Lendo

Técnica Chunking: Método flexivel para mais foco

Voltando a um tema que adoro, Produtividade, conheci a dois anos a Técnica Chunking, ela é semelhante ao Pomodoro criada por Jurgen Appelo, criador do Management. A grande sacada da Chunking é que ela não usa períodos de tempo fixo como o Pomodoro, mas períodos de tempos variáveis, chamados de chunks. Um chunk de trabalho é qualquer atividade de foco que dura de 10 a 60 minutos, com a média sendo menor que 30 minutos. O tempo do chunk é escolhido de acordo com a tarefa e sua disponibilidade de tempo. Trazendo flexibilidade também para utilizar espaços curtos de tempo do dia a dia

Continue Lendo

Matriz SWOT: O que é e como usar

SWOT é a sigla dos termos ingleses Strengths (Forças), Weaknesses(Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças) que consiste em uma ferramenta de análise bastante popular no âmbito empresarial. A Análise SWOT é uma ferramenta utilizada para fazer análise ambiental, sendo a base da gestão e do planejamento estratégico numa empresa ou instituição, recolhendo dados importantes que caracterizam o ambiente interno(forças e fraquezas) e externo (oportunidades e ameaças) da empresa. Graças à sua simplicidade pode ser utilizada para qualquer tipo de análise de cenário, desde a criação de um blog à gestão de uma multinacional. A técnica de análise SWOT foi elaborada pelo norte-americano Albert Humphrey, durante o desenvolvimento de um projeto de pesquisa na Universidade de

Continue Lendo

Sobre 2018 e hibot.chat

Sobre 2018, acho que começa com tudo, 2017 foi um bom ano, mas eu não vinha evoluindo pessoalmente, então planejei e coloquei em prática dois projetos pessoais:  Minha próxima linha de estudos avançando em Data Science, Artificial Intelligence e Cloud e minha nova aplicação, hibot.chat. Minha próxima linha de estudos, avançando em Data Science, Artificial Intelligence e Cloud São áreas que eu consegui chegar ao nível mínimo para avançar e finalmente aprender e praticar o que penso ser o futuro, quem sabe contribuir com a criação dele. Data Science é uma ciência que estuda as informações, seu processo de captura, transformação, geração e,

Continue Lendo

Futuro com Home Office

Caso não saibam, sou fã da Automattic, criadora da plataforma WordPress. Tanto as ferramentas quanto a metodologia de trabalho são fantásticas, futurísticas e muito e frente. No Brasil a nova Legislação trabalhista pode ter aberto uma brecha que permite a modalidade Home Office, mas o quanto estamos maduros pessoal e profissionalmente para esta metodologia. Pensando em refletir sobre o tema, tenho estudado um pouco mais e identificado os casos mais conhecidos para analisar. A exemplo de empresas 100% remotas, você sempre vai encontrar o case da Elastic, uma empresa de software, não possui escritórios, mas contava ou conta com 500 funcionários

Continue Lendo

O que te motiva a levantar da cama toda manhã de segunda-feira?

Você já pensou no que te motiva a levantar da cama toda manhã de segunda-feira? A mim escrever um pouco sobre o que tem me motivado a acordar todas as manhãs, principalmente as manhãs de segunda-feira já me motiva bastante. Hoje não somente basta ter uma excelente formação, um bom emprego, bons colegas e parentes, conquistas pessoais e financeiras. Isso tudo já não seria um motivador? Eu diria que isso são resultados das nossas motivações. Que fique claro, não sou um profissional em motivação ou tenho qualquer conhecimento sobre Motivação. Mas sei o que me cativa. Esse sentimento é tão

Continue Lendo

Papéis no Scrum: Product Owner, o Dono da Bola, Scrum Master, o Coach Proativo e Scrum Team

Scrum assim como muitas metodologias são formadas por papeis que fundamentam sua aplicação. Os papéis dentro do Scrum são compostos por: O Product Owner, Scrum Master e Team Scrum, que são suficientes para entregar software de alto valor agregado, de acordo com a metodologia Scrum. Unindo e agregando conhecimento a meus posts anteriormente, temos uma descrição segundo o SBOK. Product Owner, o Dono da Bola O Product Owner é o dono do produto, é quem define os itens que compõem o Product Backlog e os prioriza nas Sprint Planning Meetings, pois fornece o conhecimento do negócio em forma de requisitos para a equipe

Continue Lendo

Older posts

© 2018 Ederson Melo

Theme by Anders NorenUp ↑

%d blogueiros gostam disto: